Carregue aqui e pe├?┬ža or├?┬žamentos gr├?┬ítis!
Conselhos Para A Contrata├â┬ž├â┬úo

 

Contrate a empresa ou profissional certo para si

Antes de tomar a decisão sobre quem contratar, certifique-se de que está totalmente consciente e certo pela sua escolha. Baseie a sua escolha nas comunicações que tem feito, pois a empatia que cria é igualmente muito importante para eventuais futuros problemas que possam surgir, pois assim mais facilmente conseguiram comunicar para os solucionar.

 

Trabalhe sempre através da MaiFix

Escolha uma empresa ou profissional e nunca se esqueça de dar a sua opinião e avaliação no final do trabalho.
As empresas e os profissionais honestos vão pedir-lhe que insira a sua opinião acerca do trabalho que fizeram pois sabem que dessa forma conseguem construir uma reputação sustentada no MaiFix.
Se uma empresa ou profissional lhe sugerir para trabalharem fora do MaiFix, desconfie pois já o ditado diz “Quem não deve, não teme” e como tal, quem sabe que é bom a fazer o que faz, não receia as avaliações pois está confiante do trabalho que faz.

 

Verifique as opiniões de anteriores clientes

  • Certifique-se de que o comentário é relevante para o trabalho que pretende realizar.
  • As empresas ou profissionais que estão registados há pouco tempo no MaiFix podem não ter nenhuma avaliação de trabalhos anteriores, mas isso não implica que não sejam bons no que fazem. Nestes casos é preciso ter ainda mais atenção às comunicações que tem com a empresa para poder perceber até que ponto são honestos.
  • Para trabalhos maiores, sempre para que o local ou projecto seja visto antes sequer de obter o orçamento.

 

Obtenha sempre alguns orçamentos antes de decidir

  • Obtenha sempre um mínimo de três orçamentos e certificar-se que são baseados na mesma especificação.
  • Tente obter orçamentos fixos, ao invés de estimativas, que nesse caso podem sofrer grandes alterações.
  • Opte sempre por rever o orçamento antes de assinar contrato.
  • Atenção aos orçamentos muito baixos. As empresas ou profissionais que o fazem podem não ter percebido bem a verdadeira necessidade que existe para o seu projecto e podem vir a exigir-lhe mais dinheiro para terminar o trabalho.
  • Certifique-se que o orçamento demonstra claramente o nome da empresa ou profissional, a sua morada completa e o número de telefone.
  • Questione se o trabalho é garantido e se as garantias cobrem o trabalho caso, por algum motivo, a empresa não o termine por qualquer motivo.
  • Acordar o início e conclusão das datas e modalidades de pagamento, antes sequer do início do trabalho.

 

Acordar pagamentos adiantados

Tente evitar pagar grandes montantes em adiantado, mas nunca se recuse a pagar até um máximo de 20% pois as empresas e profissionais têm despesas tais como as deslocações, algum material e todas essas despesas precisam de estar cobertas. Relembramos que nunca deve aceitar pagar a totalidade do trabalho de forma adiantada e nunca deve exceder os 20 ou no limite, 30% do trabalho como pagamento adiantado. Insista também para obter um recibo assinado do pagamento que fez pois se eventualmente se recusarem a passar recibo, é também de suspeitar e eventualmente pedimos inclusive que nos relate a situação.

 

Verifique se o contrato permite o pagamento por fases e uma eventual retenção

  • Certifique-se de que o pagamento total é efectuado apenas quando o trabalho estiver concluído.
  • Certifique-se também de que no contrato está explicita a retenção de uma determinada percentagem (nunca menos de 15% no mínimo) antes do trabalho estar totalmente concluído, pois só assim se certifica de que o total é pago apenas quando tudo esteja terminado.

Pense com calma antes de concordar o pagamento a dinheiro. Nestes casos, exija sempre factura/recibo de imediato pois essa será a única forma de comprovar que o pagamento já foi efectuado.

Certifique-se de que a empresa está registada para poder declarar o IVA ou no caso de ser um trabalhador independente, se este terá que cobrar IVA ou se está isento pois isso será muito importante e terá impacto na factura final.

Para grandes projectos ou trabalhos que exigem a entrega do dinheiro de forma adiantada, recomendamos vivamente um contrato celebrado de forma fidedigna e se possível com assinaturas reconhecidas pelo notário, pois desta forma estará seguro. Se pretende obter mais informações acerca dos contractos, encontrará também nesta página uma ajuda nesse sentido.

 

Considere o planeamento e a obtenção de licenças

  • Se o seu projecto carece de algum plano elaborado por um arquitecto, aconselhamos a tê-lo elaborado ainda antes de contratar uma empresa. Sem estes planos, as empresas estarão a trabalhar “às escuras” e podem vir a fornecer orçamentos mais elevados.
  • Antes sequer de ponderar o pedido de orçamento, lembre-se de que a elaboração de um plano por arquitectos poderá levar bastante tempo, dependendo da dimensão do projecto em causa.
  • Verifique se o trabalho que está a realizar carece de licenças de construção e/ou de aprovação. Dependendo do tipo de trabalho, pode eventualmente precisar de contratar uma empresa ou profissional qualificado e registado.

 

Verifique se a empresa ou profissional pertence a alguma associação

Se for esse o caso, contacte com essas organizações a fim de verificar se está tudo em dia e obter informações sobre que garantias oferecem aos consumidores, no caso das coisasvirem a correr mal.

 

Certifique-se de que a empresa ou o profissional tem seguro de responsabilidade civil

Peça para ver o certificado de seguro de responsabilidade civil da empresa ou profissional. As obras podem afectar a sua casa ou mesmo a de algum vizinho ou de algo na via pública e o seguro pode ou não cobrir esses danos. É importante, para além de saber se tem seguro, perceber também o que esse seguro cobre.

 

Verifique se vão existir subcontratações

Certifique-se que a empresa ou o profissional sabem que são eles os responsáveis ├óÔéČÔÇ╣├óÔéČÔÇ╣por todos os membros da equipa, incluindo os subcontratados. Estes devem também estar cobertos pelo seguro de responsabilidade civil e devidamente qualificados caso estejam a lidar com assuntos delicados tais como gás ou electricidade.